Familia OSD
 
InícioInicioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Draeneis - Exodar

Ir em baixo 
AutorMensagem
Odiador
Admin


Mensagens : 20
Data de inscrição : 31/10/2009

MensagemAssunto: Draeneis - Exodar   Seg Nov 02, 2009 3:18 pm

Facção: Aliança

Classes Possíveis: Hunter, Mage, Priest (Anchorite), Paladin (Vindicator), Warrior e Shaman

Capital da Raça: The Exodar

Líderes da Raça: Profeta Velen, o Divino

Montaria da Raça: Elekk

Mundo Natal: Draenor (depois de Argus)

Língua Primária: Draenei (um dialeto do Eredun)

Língua Secundária: Common

Tamanho Aproximado: 2.29m

Os draeneis é uma facção de eredars não corrompidos que fugiram de seu planeta natal Argus. Sua base fica em Azuremyst Isles, próximo da costa oeste de Kalimdor, se juntaram à Aliança na expansão The Burning Crusade. Sua capital é Exodar.

História

Cerca de 25.000 anos atrás, um grupo de eredars não corrompidos liderados por Velen fugiram de seu planeta natal Argus, se entitulando de draenei (”os Exilados”). Depois de viajarem pelos cosmos eles finalmente acharam um planeta que eles chamaram de Draenor (”O Refúgio dos Exilados”). De início eles viveram pacificamente com os orcs nativos e comerciavam com eles. Eles seguiram o caminho da Holy Light of Creation (”Luz Sagrada da Criação”) que lhes foi mostrada por naaru. Infelizmente, Kil’jaeden acabou descobrindo o refúgio deles e os orcs que eram combatentes ferozes e de fácil manipulação. Como um poderoso ato de vingança e uma preucaução de segurança, Kil’jaeden ordenou que os Draeneis fossem exterminados pelos Orcs junto com seu estudante, o warlock Gul’dan.

Depois que o Dark Portal foi destruído, Draenor entrou em colapso e tudo que restou foi uma pequena massa planetária e vários asteróides flutuantes dentro de Twisting Nether. A região de Draenor que ainda continua habitada agora é conhecida como Outland. Mas não foi só Draenor que foi alterada com essa confusão, alguns draeneis foram afetados pela destruição de seu mundo e ficaram conhecidos como the Broken (”os Quebrados”). Alguns desses draeneis corrompidos fugiram através dos portais abertos em Draenor e montaram acampamento em Swamp of Sorrows no planeta de Azeroth. Muito desses Lost Ones (”os Perdidos”) ficaram tristes com a destruição de seu mundo e entraram em um estado primitivo.

Um bom número de Draeneis continuam intactos e foram estes que caíram em Azeroth quando viajavam em uma nave de viagem dimensional que foi sabotado pelos maliciosos blood elves de Outland (não são os mesmos que se juntaram à horda).

No planeta de Argus, aproximadamente a 25.000 anos atrás, a raça eredar surge. Eles são extremamentes inteligentes e têm uma afinidade natural pela mágica em todas as suas formas. Usando suas habilidades especiais, eles desenvolveram uma vasta e maravilhosa sociedade. Mais tarde, no auge de sua sociedade, os líderes eredars mais promissores , Kil’jaeden, Archimonde e Velen, foram encontrados por Sargeras, O Titã Corrupto. Sargeras ficou impressionado pelo trabalho dos eredars, ele queria ajudar eles a obterem mais poder e conhecimento, em troca de sua lealdade. Mas enquanto Kil’jaeden e Archimonde estavam quase aceitando o tratado, Velen teve uma visão do futuro que o deixou preoucupado. Ele viu um futuro negro para seu povo onde junto com o titã Sargeras eles estavam transformados em demônios. Velen viu a Legion com todo o seu terrível poder, destruíndo todo tipo de criação. Ele tentou avisar Kil’jaeden e Archimonde, mas eles ignoraram seus conselhos e continuaram com sua lealdade com o Destruidor de Mundos. Juntos, eles transformaram a maioria do seu povo em várias raças de Warlocks e mais tarde se aliaram com a Burning Legion.

Velen estava desesperado, mas suas preces por ajuda foram ouvidas. Um bem veio até Velen e explicou que era um naaru, uma raça de energias que estavam tentando parar a Burning Legion. Naaru ofereceu levar Velen e seus fiéis com segurança. Com isso, Velen conseguiu a lealdade de outros eredars. Nomeando eles de ‘draenei’, ou “os Exilados” na língua Eredun, os renegados fugiram de Argus na nave de naaru Oshu’gun, com a Burning Legion alguns momentos atrás deles. Kil’jaeden estava furioso com a traição de Velen e prometeu caçar Velen até o final dos cosmos se fosse necessário.

A Legion procurou os draeneis por milhares de anos. Os Draeneis visitaram muitos mundos e exploraram muito dos cosmos conhecidos em sua missão de achar um lugar seguro. Com a legião ainda atrás deles, liderados por Kil’jaeden, que ainda não havia desistido de sua perseguição. Enquanto isso, a enigmática raça naaru abençoaram os draeneis com conhecimento e poder sobre a Luz. Os naarus explicaram que haviam outras forças nos cosmos que lutavam contra a Burning Legion. Um dia os naaru iriam se juntar em um só exército de Luz. Altamente afetados pelas palavras dos Naarus, os draeneis juraram honra à Luz e seguiam os ideais dos naarus.

Por fim, Velen e seus draeneis ficaram em um remoto e pacífico mundo. Eles nomearam ele de Draenor, ou “o Refúgio dos Exilados” e ali silenciosamente cultivaram sua sociedade novamente. Mesmo sendo descobertos novamente pelos exércitos de Kil’jaeden, Velen e seus místicos seguidores mantiveram suas mágicas secretas em segredo por várias gerações.

Ao longo do tempo, os draeneis encontraram e ficaram amigos de um clã de orcs shamans que já vivam ali naquele planeta em uma tranquila área esverdeada (mais tarde chamada de Nagrand). Mesmo limitados em algumas trocas, os draeneis e os orcs se respeitavam.

No entanto, nada podia esconder os draeneis para sempre; Kil’jaeden, em sua missão de achar mais subordinados para a Legion, topou com esse planeta e encontraram os Draeneis. Mas, sua atenção se focou mais nos seus vizinhos orcs. Intrigado, Kil’jaeden achou a raça de guerreiros que sempre procurou e conseguiu corromper esses Orcs junto com Gul’dan. Totalmente manipulados pela Legion os orcs atacaram os Draeneis. Este conflito sangrento durou quase oito anos, mas o trinfo dos orcs era inevitável. Os orcs mataram cerca de oitenta por cento da raça dos draeneis e mandaram o resto deles para pontos remotos do mundo. Além disso, os draeneis que lutaram e sobreviveram foram afetados pela energia fel dos orc warlocks. Estes draeneis foram mutados em formas menores, resultando em várias sub-espécies.

A vingança de Kil’jaeden estava compelta, ou ele achava que estava - Velen e um grupo de draeneis que não foram transformados que sobreviveram à destruição de suas cidades pelos orcs fugiram para Zangarmarsh. Ali eles se esconderam até recentemente.

Depois de chegar em Draenor, os blood elves descobriram o poder de Tempest Keep e conseguiram usá-lo. Para escapar, os draeneis sairam de seu esconderijo e controlaram o controle de uma parte do keep, o Exodar, e tentaram usar ele para fugir e achar ajuda para retomar sua casa. Antes que eles pudessem fazer isso, os blood elves sabotaram o motor principal da transporte transdimensional dos Draeneis. O que restou do Keep continua em Outland em Netherstorm e agora é a casa do Prince Kael’thas.

Quando os draeneis tentaram viajar com o nave, o motor ficou sem controle e eles viajaram pelo Twisting Nether, caindo nas ilhas chamadas de Azuremyst Isles, na costa oeste de Kalimdor. Os draeneis sobreviventes salvaram o que puderam da sua nave e tentaram ajudar o resto do seu povo que sobrou, eles começaram a explorar o novo mundo; o contato com os night elves de Darkshore estava bem perto.

Cultura

A cultura dos Draeneis é centrada em duas coisas: a Holy Light of Creation e a mágica. A primeira é o resultado da sua relação única com os naarus e a segunda é o caminho que os eredar sempre seguiram. Como resultado, os draeneis normalmente escolhe profissões religiosas, como os priests ou paladins, ou relacionada com mágica, como os mages. Alguns começaram a seguir o caminho dos shamans sobre a tutela do Farseer Nobundo.

Como povo, os draeneis se devotaram em se preparar para o dia em que eles vão se unir ao Exército da Luz, quando eles finalmente entrarão de volta na luta contra a Burning Legion. Apesar da missão global, os draeneis ainda têm seus interesses próprios, como todas as outras raças.

Sobre as suas relações interraciais, os draeneis agora odeiam os orcs depois de terem sofrido tão pesadamente quando os orcs se voltaram contra eles. Certas coisas sobre os orcs modernos, como sua pele que ainda é verde e seus warlocks (apesar de seus novos aliados humanos e gnomos também usarem), assim como a personalidade rude faz com que o esquecimento fique difícil de acontecer, ou ainda que qualquer iniciativa de paz entre Thrall e Velen aconteça. No entanto há caso de aceitamento entre as duas, por exemplo o alinhamento da Horda Earthen Ring aceitaram os shamans draeneis e Brokens para ajudar em Outland. Os draeneis também mantém um ódio pelos blood elves, devido ao sabotamento que eles causaram em Tempest Keep sobre os novos métodos de Kael’thas.

Os novos aventureiros também encontraram algumas resistências na aliança. Há várias pessoas de toda a Aliança que tem dificuldade em diferenciar os draeneis dos man’ari eredar que já tiveram em Azeroth. Os night elves em particular já sofreram bastante nas mãos de Archimonde. No entanto, os draeneis estão sendo aceitados rapidamente pela maioria das raças e embaixadores vindos de Exodar foram recebidos nos centros do poder da Aliança - até mesmo no dos night elves, onde um emissário draeneis fica ao lado da própria Tyrande.

Facções da Raça - Alguns draeneis mutaram em formas menores, resultando em várias sub-espécies, como os Lost Ones e os Broken. Rumores de que algumas tribos isoladas dos draeneis ainda existem nas terras devastadas de Outland, os últimos fragmentos dos Draenor ainda flutuam dentro do Twisting Nether. Membros de algumas dessas estão unidas com a tribo de Akama. Veja Kurenai, Murkblood e Daggerfen Village. A tribo de Akama é conhecida como Ashtongue Deathsworn. Outras tribos saíram de Outland depois da destruição de seu mundo se entitulando de Lost Ones.

Língua - Draeneis falam em Draenei e também Common, a língua padrão da Aliança. Muito draeneis de alto nível e que tiveram contato com os orcs antes da corrupção também conhecem o Orcish.

Aparência

Os Draeneis são fisicamente diferentes dos eredars da Burning Legion. Os Draeneis vem em uma enorme variedade de cores. No entanto eles não possuem a pele vermelha dos Eredar demoniacos. Os Draeneis também perderam os chifres que os eredar possuem.

Draeneis que usam sua habilidade racial Gift of the Naaru fica com brilhos flutuantes emcima de suas cabeças durante o efeito.

Os draeneis machos têm tentáculos saindo de seu queixo e testas extremamentes grandes que ultrapassam o tamanho da cabeça, também têm grandes rabos que mantêm a postura muscular reta. As fêmeas são bem diferentes: não possuem a testa grane, mas possuem extensões no crânio, vagamente parecidas com chifres que podem sair ou da parte superior ou dos lados do crânio. Os tentáculos da fêmea saem de trás da orelha e normalmente são grande o suficientes para tocar na ombreira. Elas são mais finas que os machos. As fêmeas tem pouca densidade muscular.

Draenei podem escolher várias cores de cabelo incluindo cinza, branco, azul/preto, marrom e roxo. O número de tentáculos que o macho possui na cara pode ser customizado. Pode ter zero, um, dois ou quatros tentáculos de diferentes tamanhos e formas.
Características em Jogo

Os draeneis começam em Ammen Vale, situada em Azuremyst Isle, a oeste da costa de Kalimdor. A base princial da civilização fica em Ammen Vale e é chamada de Azure Watch. Bloodmyst Isle pode ser encontrada junto com áreas adjacentes de level 10 a 20.

Sua capital é Exodar, que é liderada por Velen. A montaria dos draeneis são os elekks, uma criatura com aparência semelhante aos elefantes de guerra. Os Draeneis falam Draenei e Common.
Classes

Os que jogam com Draenei podem escolher entre as classes: Warrior, Priest, Mage, Hunter, Paladin e Shaman.

Os Draeneis são a única raça da Aliança que pode jogar como Shaman.

Alguns draeneis são dedicados à guerra e alguns são dedicados à magia mas eles sempre focam em ser bastante habilidosos em ambas. Suas inúmeras batalhas em Draenor ajudaram em aperfeiçoar nessas artes.

Priest e Paladin - Os draeneis começaram a seguir o caminho do naaru e com isso viraram guerreiros da luz e prometeram ajudar na luta contra a Burning Legion.

Shaman e Hunter - Shamanismo é uma natureza que foi sempre uma tradição alienígena para os draeneis, mas o líder espiritual dos Brokens Nobundo ouviu a voz do elemental do vento enquanto caminhava na selva. Desde que Nobundo virou um shaman, alguns draeneis seguiram seus passos. Isto pode ter liderado os draeneis em procurar profissões similares ao do shaman, daí vem os hunters, ou então eles têm hunter para domar sua nova casa.

Habilidades da Raça

Gift of the Naaru
Ative para curar seu alvo em 35+15*Seu Level durante 15 sec - 40 yd range - 1.5 sec cast - 3 min cooldown. (No level 1 cura 50 de hp e no level 70 cura 1085)

Heroic Presence
Aumenta a chance de acertar em 1% para você e para todos do seu grupo em 30 yards. (Warriors, Paladins e Hunters)

Inspiring Presence
Aumenta a chance de acertar com magias em 1% para você e para todos do seu grupo em 30 yards. (Priests, Mages e Shaman)

Gemcutting
5 pontos de bônus em Jewelcrafting (nota, isso também aumenta o nível máximo em 5 a cada nível de jewelcrafting).

Shadow Resistance
Aumenta a resistência a Shadow em 10.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
Draeneis - Exodar
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Order of Silver Dawn :: Word Of Warcraft - Informações :: Raças :: Draenei-
Ir para: